Fies Inscrições

Fies 2016. Aditamento e inscrições.

Está afim de estudar mas não tem grana para cobrir a mensalidade da universidade? O Fies é a solução.

O Fies é o Fundo de Financiamento Estudantil, financiamento do Governo Federal para alunos de universidades privadas. Este financiamento tem como objetivo auxiliar os jovens a conquistarem um ensino superior de qualidade, podendo faze-lo com facilidade de pagamento. O Fies possui juros reduzidos e prazos extensos de pagamento. Não tem desculpa, com o Fies dá!

12

Fies 2015 e Fies 2016

Fies 2016. (Imagem:divulgação).

 

Como funciona o Fies

O Fies é um financiamento do Governo Federal para estudantes de cursos de graduação e pós graduação em nível de mestrado e doutorado. O Fies é financiado pelos bancos públicos nacionais, ou seja, a Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil. Para participar, o aluno deverá estar regularmente matriculado, ter feito sua inscrição no ENEM  e ter realizado a prova do Enem a partir de 2009, em caso de graduação, e o exame do Sinaes, em caso de pós graduação.

O pagamento do Fies pode ser realizado somente após a conclusão do curso. Durante o andamento do curso, é pago apenas o valor referente aos juros, que não ultrapassa os R$50,00. Além disso, este valor é pago trimestralmente. O Fies ainda oferece financiamento integral ou parcial da sua graduação ou pós graduação.

Inscrições no Fies

Ao contrario do que muita gente pensa, se inscrever no Fies não tem burocracia. Para realizar a inscrição, aluno deverá procurar o setor de financiamento da sua universidade ou um dos bancos que realizam o financiamento do Fies. O principal é o aluno estar dentro de todos os requisitos exigidos pelo fies, como ter realizado a prova do Enem e estar regularmente matriculado em uma instituição parceira do Fies.

FIES 2016. (imagem:divulgação).

FIES 2016. (imagem:divulgação).

Requisitos Fies

Confira abaixo os requisitos exigidos para poder participar do Fies.

  • Estar regularmente matriculado em uma instituição parceira do Fies
  • Ter realizado a prova do Enem a partir do ano de 2009, para cursos de graduação, e prova do Sinaes, para cursos de pós graduação.
  • Não ter o nome constado em serviços de proteção ao crédito
  • Ter renda compatível ao concedimento do financiamento, tanto integral quando parcial.
  • Ao contrario de muitos programas do governo, o aluno que concluiu o ensino médio em escola da rede privada também poderá participar do Fies.

Pagamento do Fies – como funciona?

O pagamento do Fies acontece após o aluno completar o curso de graduação ou pós graduação. Após a conclusão, o aluno terá um tempo para que comece a pagar, que é de 18 meses. O tempo máximo para pagar o financiamento do Fies, após os 18 meses de carência após a conclusão do cursos, é o resultado do calculo do dobro tempo de conclusão do curso, mais 12 meses. Sendo assim, se o aluno conclui o curso no tempo de 04 anos, o aluno terá 09 anos para concluir o pagamento do financiamento. O valor pago é o valor financiado pelo curso, os juros são pagos enquanto o aluno ainda cursa a graduação. O pagamento dos juros é trimestral, e o valor não ultrapassa R$50,00.

Aditamento Fies

Todo inicio de semestre é realizado o chamado Aditamento Fies. Este aditamento nada mais é do que a renegociação do financiamento. Este é um momento muito importante, por isso você deve ficar atento ao período de recontratação, para não perder o financiamento.

Recomendados para você: